Food XP Delivery, entrega, pedido, aplicativo.
II JORNADA PARANAENSE DE MASTOLOGIA EM PATO BRANCO DIAS 01, 02, 03 DE AGOSTO DE 2013

Evento reuniu mais 100 homens, que além de correr participaram de um circuito de exames,avaliações e orientações

site 1Com a finalidade de enfatizar aos homens que não são só as mulheres que devem cuidar da saúde, mas eles também, o Grupo de Apoio a Mama (Gama) de Pato Branco, com o apoio dos acadêmicos e professores da Fadep e os membros da Associação de Corredores de Rua de Pato Branco (Acorpato), promoveu no sábado (31) a 1ª Corrida de Revezamento para Saúde do Homem e o 1º Circuito da Saúde do Homem. O evento, que integrou também a programação do Agosto Azul, foi realizado na Praça Presidente Vargas e contou, além da participação de muitos homens, com a presença da comunidade pato-branquense.

 

Conforme a presidente do Gama, Clemair Bertol, o câncer é uma

site 2 doença que também acomete os homens. Inclusive, na Casa de Apoio do Gama, a maioria dos pacientes que tem chegado até lá tem sido homens, e isso preocupou o grupo, que percebeu que além do trabalho feito com as mulheres, envolvendo ações de cuidado e prevenção contra o câncer, o Gama também precisa dedicar sua atenção ao público masculino, que muitas vezes não procura os serviços de saúde preventivamente, apenas quando a doença já está em um estado avançado. Dessa forma, Clemair comentou que o grupo convidou a Fadep e a Acorpato para que juntos promovessem o circuito e a corrida, como forma de acolher os homens e conscientizá-los de que é importante também cuidar da saúde. Ela ainda informou que, assim como é feito anualmente no Outubro Rosa, no Agosto Azul o Gama também passará a desenvolver ações intensificadas voltadas à saúde do homem, como a promovida este ano.

 

Circuito

Antes da realização da corrida, os integrantes 
site 3
das equipes passaram por um circuito de exames, avaliações e orientações repassadas pelos acadêmicos dos cursos de enfermagem, fisioterapia, nutrição e psicologia da Fadep.

 Conforme a professora e orientadora dos estágios na Casa de Apoio do Gama, Russélia Godoy, o curso de psicologia participou aplicando três tipos de questionários que ajudam a identificar o nível de estresse, de dependência do cigarro e do álcool. “Nós optamos por essas avaliações porque entendemos que os problemas emocionais também são responsáveis pelos problemas físicos, como a pressão alta, dor de estômago e até mesmo o câncer, que pode ser desencadeado a partir de problemas emocionais”, destacou.

A coordenadora do curso de Nutrição, Gisele Parsianello, comentou que os acadêmicos participaram realizando avaliações nutricionais, medindo o peso, altura, índice de IMC e a circunferência da cintura dos homens. “Com essa classificação nutricional é possível dizer se a pessoa está com o peso normal, se está com sobrepeso, e com a medida da cintura se apresenta um risco cardiovaslcular”, explicou Gisele. Além disso, os acadêmicos orientaram os homens em como mudar os seus hábitos alimentares e no dia-a-dia manter uma alimentação saudável, que é fundamental para se ter saúde.

A acadêmica do 4º período do curso de fisioterapia Hellen Lunardi explicou que eles participaram promovendo avaliações posturais, observando a parte superior, posterior e lateral do corpo, com o intuito de identificar possíveis déficits musculares. “Nós como futuros fisioterapeutas sabemos que a postura é a base do corpo e deve estar sempre equilibrada, a gravidade atuando perfeitamente com o corpo. Por isso, no final de cada avaliação, havendo algum desnível estrutural, orientamos para que eles procurem por um fisioterapeuta”, relatou.

Além disso, o curso de enfermagem da Fadep e o curso técnico em enfermagem do Colégio Estadual de Pato Branco (CEPB), também estiveram participando, realizando a aferição de pressão arterial, teste de glicemia, entre outras ações de prevenção.

 Corrida 

site 4

Aprovados no circuito, os participantes foram liberados para iniciar a corrida. No total 30 equipes se inscreveram, somando mais de 100 homens integrados à competição. Cada equipe era formada por quatro integrantes, em que cada qual tinha a função de correr mil metros, somando no final um percurso de 4 km, que iniciava na Praça Presidente Vargas, passava pela Avenida Tupi, dobrando na Rua Iguaçu, até a esquina com a Tocantins, onde os competidores faziam o retorno para a Avenida Tupi, seguindo até a Rua Guarani, depois até a esquina com Rua Araribóia e retornando até a praça novamente.

Das equipes participantes, as duas da Acorpato foram as que ficaram em 1º e 2º lugar, e em 3º ficou a equipe da Polícia Militar. Todos os participantes receberam medalhas, independente da classificação, mas houve também uma premiação especial em que foi premiada a equipe mais idosa, a equipe do Corpo de Bombeiros, que correu com o uniforme da brigada de incêndio, sendo a mais original, e a mais rápida foi a equipe da Acorpato.

Mauricio Rech, de 27 anos, participou da corrida na equipe Inganhável Fluxo. Para ele o evento foi muito válido, principalmente para conscientizar os homens de que eles também precisam fazer exames regularmente e dar atenção à saúde. “As mulheres já têm essa conscientização de que precisam fazer exames regulares, não só para detecção do câncer, mas de qualquer outra doença, e o homem é um pouco mais tímido. Então foi importante essa iniciativa de trazer a população para a praça para divulgar esses cuidados”, destacou.

Quanto à corrida, ele comentou que não foi difícil, até porque durante a semana ele e os outros integrantes da equipe tiraram um tempinho para treinar. Agora eles estão pensando até em dar continuidade e começar a praticar a modalidade esportiva.

O atleta da Acorpato, o professor Lula, ajudou a coordenar a corrida de revezamento. Ele destacou que a importância do evento está no incentivo aos cuidados com a saúde, por isso é ideal realizar eventos dessa natureza, para que não só os homens mas todas as pessoas se conscientizem em manter uma qualidade de vida.

 Diário do Sudoeste - Dayanne do Nascimento

 

Publicado em 02 de Setembro de 2013

 

 

 

 

 

 

Voltar
Confira as Últimas Notícias
Página 1 de 52
Rua Teóphilo Augusto Loiola, 360 - Sambugaro
Pato Branco/PR | 85502-480
contato@gamapatobranco.org.br
(46) 3223-3039
(46) 99113-6164
(46) 99913-1000